Destaque

Umburanas

7 de maio de 2018

Jacobina está de luto: Morre aos 80 anos, em Salvador, o Capitão Assunção


O sepultamento deverá acontecer nesta segunda, em Jacobina

(Por João Batista Ferreira )  - O Major da reserva do Exército Florentino Cardozo de Assunção Sobrinho, mais conhecido como “Capitão Assunção”, faleceu na noite deste domingo (07.01), em Salvador. Ele estava internado no Hospital Português, para onde foi transferido em uma UTI aérea na manhã da última terça-feira (01.05).

Aos 80 anos, o Capitão Assunção se sentiu mal na noite de segunda-feira (30.04), sendo socorrido por familiares para a Clínica Santa Bárbara, onde sofreu várias paradas cardiorrespiratória,necessitando de intubação com ventilação mecânica, até a sua transferência em UTI aérea para Salvador. 

Menino de origem humilde - Nascido em Salvador, no dia 27 de outubro de 1937, Florentino Cardozo de Assunção Sobrinho era de origem humilde. Seu pai Antônio Cardozo Nascimento era caminhoneiro, e sua mãe Doralice Cardozo Assunção era doméstica, que ajudava na receita do lar vendendo balas  de mel caseiras.

Paixão pelo Exército Brasileiro -  Mesmo a contragosto dos pais, que sonhavam com o filho padre, aos 17 anos, o jovem Florentino Cardozo fugiu para o Rio de Janeiro com o objetivo de se alistar no Exército, onde ingressou como soldado recruta, fazendo em seguida o curso de cabo de infantaria combatente, e no mesmo quartel fez o curso de sargento.
Dedicado à carreira militar, Florentino Cardozo fez outros cursos, dentre os quais, de perito criminal da Polícia do Exército, de guerra da selva e de inteligência na Escola de Formação do Exército.

Jacobina na vida do Capitão Assunção – Promovido a Subtenente, Florentino Cardozo de Assunção Sobrinho recebeu a missão do Exército para comandar o Tiro de Guerra 06-008, chegando a cidade de Jacobina no dia 02 de julho de 1981.

Corrida Duque de Caxias – No mesmo ano da sua chegada à Jacobina, preocupado com a ociosidade e o índice de alcoolismo entre os jovens jacobinenses, o Subtenente Assunção decidiu criar um evento voltado ao atletismo, nascendo, assim, a Corrida Duque de Caxias. Capitaneado pelo Tiro de Guerra, e com o apoio da Prefeitura Municipal, à época sob a gestão do prefeito Flávio Mesquita, a primeira Corrida Duque de Caxias aconteceu no dia 30 de agosto de 1981, com a participação de atletas apenas do sexo masculino, sendo registrados 302 inscritos, com premiação de 12 troféus. Como não havia emissora de rádio em Jacobina, a promoção da corrida foi realizada com a ajuda do carro de som de João Araújo (JPropago) e o do serviço de autofalante de Raimundo Honorato de Oliveira, conhecido como “Preto”, localizado na Praça da Matriz. Nos anos seguintes, a Duque de Caxias cresceu de forma espetacular, se transformando numa das maiores e mais premiadas corridas de rua do Brasil.  

Obstinação e criatividade – Com uma tenacidade incrível, o Capitão Assunção revolucionou a história de Jacobina, especialmente, no esporte e na cultura. Além da Duque de Caxias, criou os Jogos Estudantis, Caminhada da Luz, Corrida Mirim, Fórmula Jegue, e tantas outras iniciativas louváveis que ficaram eternamente na nossa memória.

Música e Saudade -  Dentre tantas atividades, o Capitão Assunção também era um grande comunicador. Foi um dos primeiros locutores da Rádio Clube Rio do Ouro AM, inaugurada em 1982. Anos depois, se mudou para a Jacobina FM, onde apresentava o programa “Música e Saudade”, que durante quase trinta anos preencheu as manhãs de domingo de milhares ouvintes, embalados pelas mais lindas melodias do cancioneiro nacional e internacional.

Título de Cidadão Jacobinense – Nascido em Salvador, mas jacobinense por opção, no dia 25 de abril de 1986, o Capitão Assunção foi condecorado pela Câmara Municipal de Vereadores com o Título de Cidadão Jacobinense, numa justa homenagem pelos relevantes serviços prestados à Cidade de Ouro. 

O corpo do Capitão Assunção deverá ser sepultado nesta segunda-feira (07), em Jacobina, cidade que amou como poucos, e pela qual deixa um legado enorme de serviços prestados.

Jacobina está de luto !


Fonte: Jacobina 24 Horas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Rota 324 não se responsabiliza pelos comentários aqui expostos.