Destaque

Sebrae

Ages

2 de junho de 2017

Medicamentos só poderão ser reajustados uma vez ao ano

Medida Provisória assinada pelo presidente Temer em dezembro caiu no Congresso.


Caiu a Medida Provisória (MP) 754/2016, assinada pelo presidente Michel Temer, que liberava o reajuste de remédios no país. Em ato declaratório, o Congresso Nacional cancelou a autorização e os aumentos só podem ser feitos uma vez por ano.

Com o cancelamento da MP de 19 de dezembro, volta a ter validade a legislação anterior que submete a decisão de aumento ou redução bem como a definição do percentual de reajuste ao Conselho de Ministros da Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos.

A Medida Provisória era polêmica, inclusive nem entre a indústria farmacêutica, que temia a perda de equilíbrio do mercado. Em abril, o tema inspirou audiência pública, promovida por Comissão Mista da Câmara, e o resultado não foi unânime.

Por Notícias ao Minuto 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Rota 324 não se responsabiliza pelos comentários aqui expostos.