Destaque

Sebrae

Ages

3 de maio de 2017

Saiba como fugir da fofoca no trabalho

Disse me disse prejudica coesão de equipes e produtividade do trabalhador. Aprenda a lidar


Rapaz, não sabe o que fiquei sabendo agora...”. O hábito de falar dos outros não é novidade, mas a boataria na empresa pode levar até  a demissão por justa causa e prejudicar carreiras. A fofoca, além de trazer prejuízos à empresa, que perde em produtividade, torna o ambiente mais desconfortável e pesado para o próprio trabalhador. O motivo: as consequências veem tanto para o alvo, quanto para quem espalha o disse me disse.

A fofoca,  é, inclusive, o que mais irrita os brasileiros, segundo pesquisa do Linkedin, que constatou que 83% dos trabalhadores se sentem incomodados com os boatos no ambiente de serviço. Uma das saídas para a empresa é atentar-se à comunicação interna e ao ambiente que está proporcionando às equipes. 

“Quando a empresa não é transparente, cria um cenário muito competitivo ou de ameaça  - como em situações de crise em que surgem boatos de cortes -, há espaço para que a fofoca surja”, diz a diretora dos Núcleos Regionais da Associação Brasileira de Recursos Humanos Seccional Bahia (ABRH-BA), Tatiana Ferraz. 

A fofoca traz danos,  inclusive na recolocação profissional. “O mercado hoje não necessariamente exige tempo na empresa, mas sim comprovação de sua capacidade de contribuição a ela. Se você é quem promove a fofoca, logo, estará perdendo em  reputação no mercado de trabalho”, lembra a coach de carreira e parceira da SBCoach, Técia Caetano. 


Aprenda a lidar com a fofoca no trabalho

Se você ouve A melhor forma de evitar é cortar. Diga que não está disposto a ouvir mais. Como o corte tende a ser incômodo, se for o caso, ouça,  mas não repasse. 

Quem repassa Se o profissional repassa as informações que ouviu de terceiros para os gestores, ele transmite a imagem de que não é uma pessoa de confiança.

Quem é vítima Não deve esconder do gestor, sobretudo se há exposição da vida pessoal. Deve também evitar o recolhimento, blindar-se é uma opção.

Quem faz  Dependendo da gravidade e das consequências, pode perder o emprego por justa causa.

Se você é o gestor Seja transparente com o seu grupo. Caso você seja alvo das fofocas, transmita ao seu superior e avalie sua conduta com o seu time de   funcionários.

Empresa A sugestão, segundo os especialistas, é investir em uma comunicação transparente e proporcionar um ambiente seguro aos trabalhadores. Não estimule a competitividade excessiva.

O que compartilhar Tenha cuidado com o que diz no ambiente de trabalho. Evite comentar a vida pessoal e se foque no que for positivo.

Danos Um ambiente de fofoca prejudica o trabalho em grupo e também reduz o tempo de produtividade.

Vinicius Gericó - Rede Bahia 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Rota 324 não se responsabiliza pelos comentários aqui expostos.