Destaque

Sebrae

Ages

31 de maio de 2017

Brasil registra 14 milhões de desempregados em abril, diz IBGE

País teve aumento de 2,8 milhões de pessoas em busca de emprego em um ano.


O número de brasileiros desempregados atingiu 14 milhões no trimestre entre fevereiro e abril, informou o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) nesta quarta-feira (31).

Segundo o instituto, tratam-se "maior taxa de desocupação e do maior contingente de pessoas desocupadas (sem trabalho e procurando emprego) para um trimestre terminado em abril desde o início da série, em 2012".

Nos três meses anteriores (novembro a janeiro), a taxa de desemprego era de 12,6%, com 12,9 milhões de pessoas em busca de emprego.

Porém, entre fevereiro e abril de 2016, eram 11,4 milhões de pessoas sem emprego. Ou seja, acréscimo de 2,8 milhões de desempregados em um ano.

"Este é o 29º trimestre móvel consecutivo de subida da taxa [de desemprego]", diz o IBGE em nota.

Entre fevereiro e abril, o País tinha 89,2 milhões de pessoas com emprego, sendo 33,3 milhões com carteira assinada. Esses dois números caíram em relação a 2016: -1,5% e -1,7%, respectivamente.


Esse é o menor contingente de brasileiros com carteira assinada desde quando o IBGE começou a série histórica, em 2012. 

Alívio

Após dois anos perdendo força de trabalho, a indústria voltou a gerar emprego. A alta foi de 1,8% em abril, em relação ao trimestre de novembro a janeiro, com 11,5 milhões de trabalhadores.

“Esse aumento tem especial importância quando se observa que a indústria estava há dois anos registrando perdas seguidas no seu contingente, totalizando, desde 2015, cerca de 1,8 milhão de empregados a menos", observa o coordenador de trabalho e rendimento do IBGE Cimar Azeredo.

Por R7 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Rota 324 não se responsabiliza pelos comentários aqui expostos.