Umburanas

28 de julho de 2016

Representantes da Cofaspi participaram de apresentação do Projeto Pró-Semiárido

Apresentação aconteceu em Jacobina

Na última terça-feira (26), foi realizada em Jacobina/BA a apresentação do Pró-Semiárido, projeto da Secretaria de Desenvolvimento Rural do Governo da Bahia, executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR). A cerimônia contou com a presença de agricultores/as familiares, além de representantes de poderes públicos, associações comunitárias e entidades parceiras, a exemplo da Cooperativa de Trabalho e Assistência à Agricultura Familiar Sustentável do Piemonte (COFASPI).

Durante o evento, realizado no auditório da Universidade do Estado da Bahia, em Jacobina/BA, o diretor executivo da CAR, Wilson Dias, destacou que o Pró-Semiárido irá abranger 32 municípios, valorizando experiências já desenvolvidas pelas famílias rurais com a assistência técnica e apoio no acesso a políticas públicas que possam fortalecer o trabalho das comunidades. “O projeto pretende gerar condições de renda e melhorar a qualidade de vida no Semiárido”, completou.

Nas ações de assistência técnica rural, a COFASPI será uma das colaboradoras do Pró-Semiárido em comunidades do Território Piemonte da Diamantina. “O nosso papel é assessorar, elaborar um diagnóstico com levantamento de dados nos primeiros meses para identificação dos agricultores/as e fazer um trabalho com as comunidades rurais para conhecer suas potencialidades e fragilidades”, explicou o diretor-presidente da COFASPI, Leonardo Lino.

A cooperativa firmou convênio com a Secretaria de Desenvolvimento Rural do Governo da Bahia, por meio da CAR, no final do mês de maio de 2016, e fará o acompanhamento de aproximadamente mil famílias no Piemonte da Diamantina. Para isso, irá contar com uma equipe formada por oito técnicos/as agrícolas e um/a profissional das ciências agrárias na coordenação do projeto, além de ter o auxílio técnico/operacional da CAR.

Projeto - O Pró-Semiárido é resultado de um acordo entre o Governo da Bahia e o Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA) voltado ao fomento da segurança hídrica, produção agroecológica, comercialização de produtos da agricultura familiar e a agroindustrialização, além do fortalecimento de grupos produtivos no Semiárido.

Texto e fotos: Luna Layse Almeida – Ascom/COFASPI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Rota 324 não se responsabiliza pelos comentários aqui expostos.

Destaque