Umburanas

19 de julho de 2016

Festas de última hora; um desrespeito com o comércio e com a população

Em tempos de crise, vender uma peça de roupa é sempre bem-vindo

Imagem: Jacobina Notícias
A quem interessa manter sigilo até o último instante, sobre a comemoração do aniversário de Jacobina? Perguntar não ofende. Como ocorrem, em situações como essa, as licitações, a preparação da segurança, a empresa que montará a estrutura, as atrações? Perguntar não ofende.

E o comércio? qual respeito lhe é dispensado, quando uma festa é anunciada faltando uma semana para acontecer? Os tempos atuais estão dando esse privilégio de os comerciantes não apostarem em um evento para vender, nem que seja, uma peça de roupa ou sapato? A quem favorece todo esse segredo? E para os foliões? aqueles quais, de poder aquisitivo menor, que começam a economizar muito tempo antes, para curtirem a festa com mais dinheiro?

Por diversas vezes, o Rota 324 questionou do coordenador de Cultura Wellington Melo, sobre as atrações, dias e local da festa, e a resposta sempre foi a mesma "teremos uma reunião hoje a tarde para decidirmos, mas já está certo que haverá a festa". Sabemos que o coordenador depende de ordens superiores e é nesse escalão que queremos chegar. Temos conhecimento ainda que essa é uma prática comum, por parte do gestor municipal - a de manter a população desinformada até as vésperas do evento. Assim aconteceu na única micareta realizada por ele em quatro anos, assim aconteceu em todos os aniversários da cidade e assim aconteceu em todas as comunidades que só tiveram a resposta do apoio duas semanas antes dos arraiais. Com exceção do Bairro do Leader, onde a resposta não chegou e que precisou da ajuda de um caminhão para os cantores se apresentarem. 

Quão linda seria a comemoração do aniversário, caso tivéssemos uma divulgação antecipada e bem organizada, visando atrair foliões da região, fortalecendo assim o nosso comércio, hotéis, ambulantes. Mas, para quem não consegue ser organizado em pequenos detalhes, como poderíamos exigir dele nas grandes ações?

Igor Fagner - Rota 324 

2 comentários:

  1. Eis ai um bom governo e uma excelente gestão, kkkkkkk. Isso apenas o que diz o gestor e seus súditos, porque pra maioria da população uma péssima gestão, a pior que já se teve e já se viu por aqui. Precisamos de ajuda de socorro pra nossa cidade. Hospital de grande porte que oferecia mais de 150 leitos pelo SUS,varias cirurgias, exames, laboratoriais entre outros atendimentos especializados tudo isso de graça pelo convênio SUS - PMJ- HRVG.e que foi ceifados pelo atual gestor, que na ultima campanha ter eleitoral para o executivo municipal bradava pelos quatros-cantos do nosso município que reconstruiria, que transformaria a saúde, mais o que fez foi destruir e piorar a situação, O que fez foi superlotar um médio hospital municipal, piorar a Educação,a Assistência Social, o relacionamento e acima de tudo o respeito a cada um daqueles que em vos confiou o voto. Não era esse o profeta Salvador, o homem com poder de fazer, de realizar de reconstruir. Ha cadê o pode de realização tão prometido? Há sei o teu poder te abandonou dá mesma forma que muitos dos teus secretários ,correligionários e eleitores estão te abandonando e vão abandonar ainda mais. É esse o nosso profeta salvador? Um diabo que nem pros que nele confiou o voto honra os compromissos e as promessas feitas.
    Essa festa repentina, relâmpago é apenas pra enganarmos mais uma vez e agaranhar recursos pra campanha já que o gestor vê sua situação ficar mais difícil a cada dia diante da maioria dos eleitores jacobinense. A cúpula dessa gestão devem estarem descabelando se pra arranjarem atrações pra tentar delibriar o povo. Mais o eleitor que não é bobo e nem nada, não cai mais nessa farsa nem vai jogar seu voto fora mais uma vez viu prefeito. Eis já no âmbito de toda jacobina uma concretização de novas ideia de novos projetos, pessoas compromissadas com a nossa jacobina, com o futuro das mossa crianças, o futuro da Saúde do nosso município, compromissadas com a realização do novo contrato com a Instituição Filantrópica HRVG - pra restabelecer a partir de Janeiro de 2017 os atendimentos no Hospital Regional pelo SUS, o que foi tirado dos cidadãos jacobinense e de toda região de forma cruel e inescrupulosa. O povo esta aderindo r vai continuar aferi do ao da mais esses que se botaram a disposição pra reconstruir, pra fazer mais por que mais precisa a classe mais pobre d de nossa cidade porque são pessoas de boa caráter pessoas que tem o compromisso firmados pra trabalhar por nossa cidade, Gente que faz e vem pra fazer, o povo demostra quer, que mudança e essa mudança estar por vim a partir do dia 02 de outubro quando nas urnas vão votar pra mudar, pra reconstruir, com amor e de coração nossa Jacobina.

    Texto.
    Vanisio Carvalho

    ResponderExcluir

O Rota 324 não se responsabiliza pelos comentários aqui expostos.

Destaque