Destaque

12 de dezembro de 2017

Confira o horário de funcionamento do comércio de Jacobina neste Natal


Lar do Idoso: Conheça o projeto "Seja o meu Papai Noel neste Natal"

Ação é realizada por estudantes de Serviço Social

O Projeto Envelhecer Crescendo, do curso de Serviço Social da Unopar - Polo de Jacobina, está lançando mais uma vez a Campanha "Seja O Meu Papai Noel neste Natal", em benefício do Lar dos Idosos de Jacobina. "Nessa nossa caminhada há mais de dois anos, podemos afirmar que o maior presente para eles é a amizade, carinho, respeito e amor" disse uma das estudantes. 

Nestes quadros estão contidos os desejos de cada um, mas no Lar dos Idosos de Jacobina as necessidades materiais são muitas. Podemos elencar algumas delas: fraldas geriátricas, itens de higiene pessoal, alimentos não perecíveis, entre outras. Ressaltamos que atualmente convivem no Lar 43 idosos e toda contribuição será bem-vinda. Nossa festinha será dia 16 de dezembro, às 15h30 com entregas de presentes.

6 de dezembro de 2017

Professores do IFBA - Campus Jacobina irão para a Espanha apresentar pesquisas em prol da sustentabilidade

Por Verusa Pinho

Integrantes do grupo de pesquisa Automação, Eficiência Energética e Produção do IFBA - Campus Jacobina tiveram quatro artigos científicos aprovados para apresentação no Qualicer 2018, evento mundial voltado para a qualidade de produtos como azulejo e cerâmica, que acontecerá entre 12 e 13 de fevereiro em Castellón, na Espanha. Com foco na sustentabilidade a partir do reaproveitamento de resíduos advindos da indústria mineradora e de pedras ornamentais, os estudos apresentam possibilidades de utilização desses materiais em outras áreas, a exemplo de pisos, revestimento e telhas.

Contando com a colaboração dos estudantes Rodrigo Neves, Igor Souza, Jander Lopes e Maria Clara, do curso técnico de eletromecânica, as pesquisas são autoria dos professores do referido curso Raimison de Assis (doutor em engenharia), Tércio Graciano (doutor em engenharia), Jonei Marques (doutorando em engenharia de minas) e Naedja Pontes (doutoranda em geologia), ao lado da docente de mineração Talita Gentil (doutoranda em geologia) e de Beliato Campos (doutorando em física), atual coordenador de pesquisa do campus, além de Flánelson Monteiro (doutorando em engenharia), do IFBA-Irecê. 

Em um dos artigos, os pesquisadores chamam atenção para a quantidade de resíduos resultado da exploração de ouro no município de Jacobina: cerca de 5 mil toneladas/dia. “A maioria das empresas de mineração não apresenta tecnologia ou aplicação economicamente viável que permita a reciclagem do resíduo mineral, o que degrada o meio ambiente. A proposta deste trabalho é aproveitar os resíduos para a produção de pisos e revestimentos cerâmicos”, destaca trecho do resumo.

Segundo o docente Raimison, líder do grupo e atual coordenador do extensão do Campus Jacobina, participar do Qualicer será uma oportunidade para estabelecer parcerias para o IFBA. “Já temos contato com pesquisadores da Espanha e França. Queremos criar oportunidades de intercâmbio para nossos alunos”, destaca. Os anais do evento estão classificados com Qualis A, que contempla periódicos de referência internacional, pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), revelando a qualidade da produção intelectual dos docentes e pesquisadores envolvidos.

Saiba mais

Criado desde 2015, o grupo de pesquisa Automação, Eficiência Energética e Produção reúne cerca de 20 pesquisadores, entre graduandos, mestres e doutores, além de dez estudantes, dois técnicos administrativos e mais dois egressos.

Tendo como parceiro o Instituto Nacional de Ciências e Tecnologia dos Materiais em Nanotecnologia (Inctmn), o grupo atua nas seguintes linhas: análise e modelagem para automação de sistemas produtivos; desenvolvimento de equipamentos para o uso eficiente de energia elétrica; modelagem de fenômenos para o ensino de física, matemática e biologia; tecnologias limpas e materiais.

Apesar de sua existência recente, a equipe já comemora conquistas, como a invenção do jovem Iago Santos de Jesus, que projetou um sistema eletromecânico para reutilizar água da máquina de lavar na descarga do banheiro. A ideia inovadora foi apresentada através de entrevista nas rádios locais e durante eventos regionais, como o Dia Mundial da Água, em Valente. Orientado pelos professores Tércio Graciano e Andson Rocha, Iago, que hoje é egresso do IFBA, participou da Feira Brasileira de Colégios de Aplicação e Escolas Técnicas (Febrat), em Belo Horizonte; Feira Nordestina de Ciência e Tecnologia (Fenecit), considerada a 2ª maior do gênero no país, que lhe garantiu credencial para a Feira de Investigación y Empreendimento Francisco Woston, ocorrida na Colômbia ano passado.

“Dentro da região de Jacobina existem grandes indústrias ligadas à mineração e geração de energia eólica, pequenos produtores rurais e comunidades quilombolas, gerando uma demanda que nos permite direcionar atividades para o desenvolvimento de técnicas que otimizem a produção, diminuam o consumo de energia elétrica, façam uso eficaz de recursos naturais e contribua com a promoção socioeconômica e cultural da região”, pontua Raimison.

Mais informações em www.jacobina.ifba.edu.br

Legenda da foto: Equipe de trabalho (da E/D) - profs. pesquisadores Jonei, Naedja, Raimison, Talita, Tércio e Beliato

1 de dezembro de 2017

Conheça Apollo, uma poesia de Paulo Lima

Apollo

Voem livres,
Borboletas de fino trato.
Descobre como se reveste essas azas tuas.
Pousa como se fosse poesia 
Nas singelas noites de Lua.
Cobre de néctar o brilho do Sol.
Sejam livres, que eu sonho.
Voa-te pelas plantas, arvores, pessoas...
Segue, sem se preocupar com o caminho.
Segue o verde, o campo, a floresta...
Apenas voem, pequenas borboletas couradas.
Voa, que eu viverei a sonhar 
E sorrir sempre que vier, do horizonte sem fim.
Em cada voo, leva-te esperança
Em cada partículas de mim.

Paulo Lima.
www.pauloclima.blogspot.com

6º Encontro de Agricultores e Agricultoras Experimentadores/a

6º Encontro de Agricultores e Agricultoras Experimentadores/as discute sobre direitos e políticas sociais no Semiárido

Na próxima quarta-feira (6), começa, em Jacobina/BA, o 6º Encontro de Agricultores e Agricultoras Experimentadores/as. Na sexta edição do evento, que ocorre em um momento de conjuntura política com cortes de orçamentos de programas sociais e redução de políticas públicas na região Semiárida, será discutido o tema “Convivência com o Semiárido, Agroecologia e Agricultura Familiar: desafios e perspectivas". O Encontro é organizado pela Cooperativa de Trabalho e Assistência à Agricultura Familiar Sustentável do Piemonte (COFASPI), com o fundamental apoio de parceiros/as, como a Articulação Semiárido Brasileiro (ASA), e a Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) do Governo da Bahia, por meio da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR).

A abertura do 6º Encontro de Agricultores e Agricultoras Experimentadores/as - que deve reunir, em média, 300 agricultores/as familiares com o intuito de propiciar trocas de experiências agroecológicas e da economia solidária – será no Clube 2 de Janeiro, Centro de Jacobina/BA, às 14h. Também participam do evento representantes de organizações do Semiárido, militantes de movimentos sociais e representantes de poderes públicos. A programação do dia 6 de dezembro inclui ainda painel temático, às 16h, que dialoga sobre o tema do evento para discutir políticas e direitos sociais no Semiárido, fundamentais para a permanência das famílias no campo com vida digna.

“Eu nasci no Inácio João, mas precisei morar fora, e quando eu estava como agente de saúde vieram as cisternas que a gente conseguiu e eu pensei na possibilidade de voltar para as minhas origens (...). A agricultura é algo que me dá mais prazer porque eu imagino hoje que a gente faz saúde com os produtos de qualidade, com os produtos agroecológicos”, relata a agricultora Janete Rodrigues de Caém/BA.

As articulações nas comunidades rurais e lutas políticas tem sido fundamental para buscar a manutenção do acesso a políticas sociais que tem contribuído para a melhoria da qualidade de vida no campo e conquista de autonomia das famílias rurais, a exemplo de projetos para implementar tecnologias de armazenamento da água da chuva, produção e comércio de alimentos saudáveis, assistência técnica, dentre outros. Para o ano de 2018, o Governo Federal prevê cortes de orçamentos para a agricultura familiar e também para projetos sociais no Semiárido. O que motiva o diálogo sobre os desafios e perspectivas no campo.

“Precisamos refletir sobre os avanços que a gente teve, a conquista de direitos sobretudo no Semiárido e a quantidade de famílias que puderam acessar direitos básicos e políticas públicas. Depois, observar de que maneira isso nos foi tomado. Essa é a importância do debate, é perceber que por interesse particular de grupos que estão à frente do poder econômico do país, o acesso a direitos e políticas foram retirados dos agricultores e agricultoras. Então, precisamos fortalecer o debate político nas comunidades e organizações para que a gente possa continuar lutando por esses direitos”, destacou o diretor-presidente da COFASPI, Leonardo Lino.

O 6º Encontro de Agricultores e Agricultoras Experimentadores/as tem ainda o objetivo de valorizar as culturas locais e regionais. Serão realizadas noites culturais com participação de atrações locais, Raimundo Sodré, Flávia Wenceslau, Roberto Mendes e Maviael Melo. Na quarta (6) e quinta-feira (7), a programação cultural gratuita inicia às 19h, na concha acústica do Bairro Missão, onde também terá venda e exposição de produtos da agricultura familiar. Já na sexta-feira (8), as atividades culturais ocorrem na Praça Céu da Artes. Para mais informações, os/as interessados/as podem entrar em contato por meio do telefone: (74) 3622-0017.

COFASPI – A cooperativa é uma entidade social que atua em cidades da região Nordeste e busca conhecer a realidade de agricultores e agricultoras, envolvendo as três dimensões da sustentabilidade: ambiental, social e ecológica. Por meio de projetos, a COFASPI também busca contribuir para o acesso a políticas públicas da agricultura familiar, colaborar na implementação de tecnologias sociais de armazenamento de água da chuva, bem como, em ações para fomentar a produção agroecológica e segurança alimentar com metodologias participativas que visam favorecer a escuta, o diálogo e a troca de aprendizados com agricultores e agricultoras familiares.

Texto – Luna Layse Almeida (Comunicação COFASPI)
Cartaz - Divulgação

Primeiro sorteio do Mega Natal é dia 7, exija seu cupom!


Está chegando o dia do primeiro sorteio da campanha mais esperada do ano! O Mega Natal Premiado da Acija sorteará os primeiros consumidores da promoção e um deles pode ser você! Compre nas lojas participantes e exija seu cupom!

O primeiro sorteio será dia 7 de dezembro, na Praça Rio Branco, e premiará com 03 Tablets, 02 Poupanças no valor de R$500, 03 Smartphones, 01 TV de 32” e 01 moto zero km.

Não perca essa oportunidade! Corra agora mesmo para uma das lojas do comércio de Jacobina, faça suas compras e exija seu cupom!! Nos próximos sorteios você ainda concorrerá a 2 carros zero e mais de 60 prêmios!


Ascom Acija

30 de novembro de 2017

Palestra para mulheres empreendedoras aborda benefícios do MEI

Realizado pelo Sebrae, evento gratuito acontece na quinta-feira, 30, na Acija, e será direcionado para as participantes do do grupo Empreendedoras de Salto Alto de Jacobina

Por Tamara Leal - O Sebrae realiza nesta quinta-feira, 30, às 19h, na Sala de Treinamento da Associação Comercial e Industrial de Jacobina (Acija), Centro Norte do estado, a palestra “Aprenda como funciona o MEI”, com informações sobre direitos, deveres e benefícios da formalização como microempreendedor individual. Gratuito, o evento é voltado às participantes do grupo Empreendedoras de Salto Alto de Jacobina.

Criado em agosto desse ano, o grupo tem o objetivo de apoiar o empreendedorismo feminino, divulgar produtos e serviços e fomentar a união das participantes. A técnica do Sebrae, Andreza de Andrade, explica que serão debatidos temas como a importância da formalização e os direitos e deveres do microempreendedor individual. “Será um momento para as empreendedoras tirarem as suas dúvidas e saber mais sobre os benefícios da formalização”, garante.

Quem pode ser MEI

Qualquer pessoa que exerça uma das quase 500 atividades permitidas e que fature até R$ 60 mil por ano pode se tornar um MEI. Para saber quais são as atividades possíveis e se inscrever, é preciso acessar o Portal do Empreendedor e clicar no link, seguindo as orientações, sem a necessidade de apresentar documentos. Após o cadastramento, o CNPJ e o número de inscrição na Junta Comercial são obtidos imediatamente sem custos e burocracia.

Os inscritos no programa fazem parte do Simples Nacional, programa de recolhimento simplificado de impostos. O MEI é isento dos tributos federais (Imposto de Renda, PIS, Cofins, IPI e CSLL) e paga uma contribuição mensal de 5% do salário mínimo mais R$ 1 ou R$ 5 de ISS ou ICMS, dependendo da atividade exercida. A contribuição mensal é de R$ 47,85 (comércio e indústria), R$ 51,85 (prestação de serviços) ou R$ 52,85 (prestação de serviços, comércio e indústria). Esses valores são destinados à Previdência Social e ao ICMS ou ao ISS.

Campus Jacobina do IFBA sedia Aula Inaugural do MedioTec


Nesta quinta-feira, 30, às 14h, o auditório do Instituto Federal da Bahia (IFBA), em Jacobina, sedia a Aula Inaugural do MedioTec, ação estratégica do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec).

O evento contará com a presença do reitor da instituição, Renato da Anunciação Filho, bem como do coordenador do MedioTec no IFBA, Marco Góes, do diretor geral do campus em exercício, Afonso Henrique Cordeiro, além de autoridades municipais das cidades envolvidas: prefeito e secretário de educação de Caldeirão Grande, Cândido Pereira e João Matos, respectivamente, e secretário de educação de Jacobina, André Luiz Sampaio.

Na ocasião, ainda haverá apresentação cultural com a Filarmônica 2 de Janeiro, projeto Arte de Tocar e estudantes de Caldeirão Grande.

Fique por dentro

Os polos de tutoria ofertarão dois cursos: técnico em redes de computadores, em Jacobina; manutenção e suporte de informática, em Caldeirão Grande. Ao lado das formações concomitantes ao ensino médio, o MedioTec também oferece cursos subsequentes. Até o dia 4 de dezembro, as inscrições estão abertas para 300 vagas, distribuídas entre três municípios da nossa região e quatro formações, dentre elas, técnico em guia de turismo e técnico em informática. Acesse www.redeetec.ifba.edu.br e garanta a sua vaga!

Por Verusa Pinho